Policial 

Idosa é presa com Viagra e medicamentos para emagrecer. Ia faturar R$ 30 mil

Uma mulher de 64 anos foi detida após ser flagrada com medicamentos contrabandeados do Paraguai na madrugada de terça-feira, 1º, às margens da rodovia BR-369, em um posto de combustíveis da cidade de Corbélia.

Após trabalho de rotina, os policiais da 4ª Cia da Polícia Militar suspeitaram da idosa e em revista encontraram junto a cintura dela uma determinada quantia de medicamentos oriundos do Paraguai e que no Brasil não possuem registro na Anvisa ( Agência Nacional de Vigilância Sanitária), e o porte e a comercialização destes produtos, é, por lei considerado crime, pois oferecem riscos a saúde daqueles que fazem o consumo.

Os produtos apreendidos tratam-se de pílulas para perda de peso, e algumas cartelas com medicamentos para o tratamento da disfunção erétil, conhecido como medicamento alternativo ao Viagra.

A mulher que é moradora na cidade de São Paulo informou que após chegar a capital do estado paulista, viajaria para o estado do Tocantins onde revenderia os medicamentos. A Polícia acredita que o lucro obtido após a venda avulsa da medicação seria superior aos R$ 30 mil reais.

A idosa foi detida e encaminhada juntamente com a mercadoria até a delegacia da Polícia Federal de Cascavel onde permanece a disposição da justiça. (Catve).

Comentários
Compartilhe!

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: