Jovem cadeirante de Ubiratã participou no Rio de Janeiro da maior corrida de rua do mundo

O ubiratanense Renan Gustavo Soares Ferreira, 25 anos de idade, é cadeirante desde 2012, quando sofreu um acidente de trânsito e acabou perdendo o movimento das pernas. Depois de passar por muitas dificuldades pós-acidente e também para se reabilitar, Renan conseguiu e vem se superando a cada dia e com muito esforço e força de vontade realizou um sonho: Participou no Rio de Janeiro do Wings for Life World Run 2018 (quinta edição da maior corrida de rua do mundo). O jovem de Ubiratã participou na categoria “cadeirantes de rodas”.

A corrida é realizada pelo instituto Wings for Life que é uma fundação sem fins lucrativos com uma única missão: ajudar cientistas a encontrar uma cura para as lesões na medula espinhal. 100% do valor das inscrições da corrida é destinada diretamente para essas pesquisas.

A Administração municipal, através da Secretaria do Esporte e Lazer tem trabalhado na questão da inclusão de deficientes físicos no município. No último mês, o secretário Nicanor Kimura fez a primeira reunião com cadeirantes, inclusive com a participação de Renan, e propôs a criança de um projeto “Esporte para Todos”, cujo objetivo é inserir modalidades de esportes adaptadas que em breve fará parte do cronograma esportivo do município.

O secretário Nicanor Kimura e prefeito Baco, parabenizaram Renan pela participação nesse conceituado evento, destacando a importância da inclusão social dos deficientes físicos do município. Nicanor ressalta que um dos projetos que a Secretaria terá para os deficientes de Ubiratã será o vôlei adaptado para cadeirantes.

Comentários