Liminar bloqueia bens de ex-prefeito de Juranda

O ex-prefeito de Juranda, Bento Batista, teve bens bloqueados pela justiça. A liminar foi dada pela juíza substituta Érika Fiori Bonatto Muller.

O motivo é a ação sobre suposto superfaturamento na compra de combustíveis, em 2013, o bloqueio, no valor de R$ 33 mil, também vale para a empresa.

Segundo o Tribunal de Contas, a prefeitura teve prejuízo ao aumentar os preços previstos na licitação.

O outro lado

Bento Batista nega irregularidades na licitação ou nos preços dos combustíveis.

Fonte: Bocasanta

Comentários