Saúde 

Doar sangue é um ato de amor: 11 de junho reserve sua manhã pra salvar uma vida

A doação de sangue é um ato altruísta e totalmente voluntário, que pode salvar vidas. Dependem desse ato solidário pessoas que se submetem a tratamentos planejados e intervenções médicas urgentes de grande porte e complexidade, como transfusões, transplantes e procedimentos oncológicos. O sangue é imprescindível também para que pacientes com doenças crônicas graves – como Doença Falciforme e Talassemia – possam viver por mais tempo e com mais qualidade, além de ser de vital importância para tratar feridos em situações de emergência ou calamidades.

IMPORTANTE: Uma única doação pode salvar até quatro vidas. Um simples gesto de amor e solidariedade pode gerar muitos sorrisos. PARA ISSO A SECRETARIA DE SAÚDE ESTARÁ DISPONIBILIZANDO UM ÔNIBUS, NO DIA 11 DE JUNHO, PERÍODO DA MANHÃ. Para os interessados, deixar o nome nas unidades de saúde mais próximo ou diretamente no setor de transportes da Secretaria de Saúde.

CONHEÇA OS CRITÉRIOS PARA SER UM DOADOR:

– Jovens entre 16 e 17 anos (mediante autorização dos pais ou responsáveis) e idosos com até 68 anos também poderão doar sangue no Brasil;

– Pesar mais de 50 quilos;

– Estar descansado;

– Não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas quatro horas;

-Não ter recebido transfusão de sangue nos últimos 12 meses;

– Não estar com febre, gripe ou resfriado;

– Se mulher, não estar grávida, amamentando ou ter tido parto normal ou aborto há menos de três meses. Em caso de cesárea, seis meses;

– Após aplicar piercing aguardar três dias para doar;

– Após fazer uma tatuagem aguardar 12 meses;

– Após vacina da gripe (48 horas).

Comentários
Compartilhe!