fbpx
Esportes 

Goleiro Jean, do São Paulo, é preso nos EUA, acusado de agredir mulher

O goleiro Jean, do São Paulo, foi preso nesta quarta-feira (18), nos Estados Unidos acusado pela mulher, Milena Bemfica, de tê-la agredido durante uma discussão.

O jogador foi capturado pelo Escritório Policial do Condado de Orange, na Flórida.

A ficha de prisão está publicada no site do governo local.

No documento, consta que Jean foi preso às 7h27 no horário local (9h27 de Brasília).

O motivo foi violência doméstica.

O jogador, junto com a mulher e as duas filhas passava férias nos Estados Unidos após o fim da temporada 2019.

Na noite de terça-feira (17/12/2019), Milena havia compartilhado um registro com as filhas e o marido em um dos parques da Disney World, em Orlando, onde estão passando uma temporada de férias.

O jogador ainda não se posicionou sobre o assunto.

Os vídeos postados em seu perfil na rede social foram apagados, mas algumas pessoas os salvaram e compartilharam.

Nas imagens, Milena avisa que está trancada no banheiro, machucada e nervosa, ela afirma que foi agredida fisicamente pelo marido.

“Eu tô aqui, em Orlando, e olha o que Jean acabou de fazer comigo. Alguém me ajude. Jean acabou de me bater. Gente, socorro”.

Em outra postagem, a mulher também divulgou prints de uma conversa que teve com o jogador em um aplicativo onde relata a pressão psicológica que teria vivido.

“Parabéns. Terminou com minha carreira. E suas filhas vão passar fome”, teria escrito o Jean Paulo Fernandes Filho, que atualmente defende o São Paulo e é ex-goleiro do Bahia.
Nesta manhã, Milena publicou novamente sobre a situação. “Já passou, estou com as meninas e está tudo bem”.

O atleta chegou ao São Paulo no fim de 2017 e tem contrato válido por cinco anos.

Em nota, o São Paulo Futebol Clube informou que acompanha o caso.


“Em seus quase 90 anos de existência, o São Paulo construiu uma história pautada por princípios sólidos de conduta dentro e fora de campo, e não abre mão deles”, disse a nota.



Atualização


Na tarde desta quarta-feira (18), o São Paulo decidiu rescindir o contrato do goleiro Jean.

A decisão do clube aconteceu horas depois da publicação de nota oficial, em que o Tricolor reconhece o caso e afirma aguardar a apuração dos fatos.

Jean foi contratado do Bahia no fim de 2017 por cerca de R$ 10 milhões.

O contrato do arqueiro tinha validade até dezembro de 2022.

Compartilhe!