fbpx

Copel achou 43 ‘gatos’ por dia em 2019 no Paraná

O trabalho para evitar o “furto” de energia elétrica – os famosos “gatos” -, além de fraudes no sistema de medição de energia da Copel, resultaram em 43 ocorrências diárias em 2019. No total, segundo a Copel, que tem 40 equipes dedicadas a essa atividade, foram encontradas 10.849 irregularidades.

O cerco representa a recuperação de R$ 34 milhões em 2019 – o que significa ainda a regularização de energia suficiente (43,5 gigawatts-hora) para abastecer uma cidade de 25 mil habitantes por um ano.

Compartilhe!