NOTA ORIENTATIVA: CUIDADOS PARA EVITAR A TRANSMISSÃO DO CORONAVÍRUS EM BARBEARIAS, ESMALTERIAS, ESTÉTICAS E SALÕES DE BELEZA

NOTA ORIENTATIVA: CUIDADOS PARA EVITAR A TRANSMISSÃO DO CORONAVÍRUS EM BARBEARIAS, ESMALTERIAS, ESTÉTICAS E SALÕES DE BELEZA

As barbearias, esmalterias, estéticas e salões de beleza são serviços baseados em uma abordagem pessoal e, inevitavelmente, exigem contato próximo com os clientes.

Estudos avaliados pela OMS apontam que o vírus pode persistir nas superfícies por algumas horas ou, até mesmo, vários dias. Isto pode variar, pois depende das condições do local, do clima e da umidade do ambiente.

As pessoas podem contrair o Covid-19 de outras pessoas que têm o vírus visto que a doença se espalha de pessoa para pessoa através de pequenas gotículas do nariz ou da boca que se espalham quando uma pessoa infectada tosse, fala, exala, inclusive quando essas gotículas pousam em objetos e superfícies ao seu redor e outras pessoas contraem o Covid-19 tocando esses objetos ou superfícies e depois tocando nos olhos, nariz ou boca.

Sendo assim, é necessário seguir algumas orientações para diminuir a propagação e transmissão do coronavírus nas barbearias, esmalterias, estéticas e salões de beleza.

– Higienização das mãos é uma das medidas mais importantes e simples para evitar a propagação do coronavírus. Lave as mãos com água e sabão líquido por, no mínimo, 40 a 60 segundos, antes e depois de atender cada cliente. Considere a utilização de toalhas de papel para secagem das mãos, em vez de uma toalha usada repetidamente ao longo do dia.

– Use luvas descartáveis para atendimento individualizado de cada cliente. Use-as apenas uma vez e troque-as ao terminar o atendimento.

– Use máscara durante o atendimento ao cliente. Evite tocar seu rosto.

– Disponibilize álcool em gel 70% para todos os clientes na entrada do estabelecimento e a todos os parceiros e colaboradores nas bancadas dos atendimentos;

– Utilize cartazes instrutivos de utilidade pública na porta do estabelecimento ou nas estações de atendimento.

– Use materiais descartáveis: lixa para unhas e pés, palitos, protetores de plástico para cubas e bacias. Despreze os materiais descartáveis em recipientes resistentes à perfuração e com tampa. Lixas para unhas e pés, espátulas de madeira e lâminas não podem ser reutilizadas, nem reprocessadas;

– Organize a rotina de limpeza elaborando um manual de rotinas e procedimentos, para facilitar o trabalho diário e garantir a segurança de todos os profissionais e clientes. A desinfecção do mobiliário, cadeiras e estações de atendimento deve ser feita com álcool 70%, após o atendimento de cada cliente. Cadeiras, armários, macas, colchões, travesseiros e almofadas devem ser revestidos de material impermeável, resistente, de fácil limpeza e desinfecção e mantidos em bom estado de conservação. Utilize uma luva de borracha para lavar bacias e cubas com água e sabão líquido ou detergente após o término do atendimento de cada cliente.

– Toalhas e lençóis devem ser devidamente lavados e trocados a cada cliente; Use toalhas individuais para cada procedimento. Uma toalha diferente deve ser usada para cada procedimento, mesmo que seja para o (a) mesmo (a) cliente. As toalhas descartáveis devem ser desprezadas após o uso. As de tecido devem ser lavadas e embaladas em saco plástico individual e guardadas em local limpo, seco e arejado, até serem usadas novamente.

– Alicates, pinças, afastadores e tesouras devem ser esterilizados após o uso em autoclaves ou estufas: a esterilização é o processo que destrói todos os tipos de vírus, bactérias e fungos. Escovas e pentes devem ser limpos após o atendimento a cada cliente. O ideal é que cada pessoa tenha o seu kit. Estimule os (as) seus (suas) clientes a levarem seus próprios instrumentos.

– Ceras para depilação devem ser fracionadas em porções suficientes para cada cliente; utilize espátulas descartáveis.

– Os clientes devem ser atendidos com horário agendado, se possível individualmente ou mantendo-se a regra de distanciamento mínimo de um metro entre cada estação de trabalho, a fim de evitar aglomerações, os clientes que apresentarem algum sintoma, como tosse, febre ou coriza, deverão ser reagendados para outra data.