Vacinação contra Influenza retornará na quinta-feira 16/04/2020, a partir das 13 horas

Vacinação contra Influenza retornará na quinta-feira 16/04/2020, a partir das 13 horas

A Secretaria da Saúde de Ubiratã informa que voltará a vacinar contra influenza, na quinta-feira, dia 16/04/2020.

Além dos idosos, a partir dos 60 anos e trabalhadores da saúde serão vacinados novos grupos como:

– Profissionais das forças de segurança e salvamento;

– Portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais;

– Funcionários do sistema prisional;

– Caminhoneiros, motoristas de transporte coletivo e portuários.

Em Ubiratã, em virtude da Pandemia do Novo Coronavirus, para evitar a aglomeração das pessoas nas Unidades de Saúde, a Campanha de Vacina será realizada em 4 pontos da cidade e 1 no distrito de Yolanda, no horário das 8h às 11:30h e das 13h às 17h, sendo eles:

– Escola Lucineia Braciforte no Bairro São Joaquim;

– Escola Furusato Tomio no Bairro Josefina 1;

– Escola Cleide Maria Zampronio no Jardim JK;

– Escola Gentil Toledo – Bairro Boa Vista;

– Escola Porto dos Santos na Yolanda.

Considerando a inclusão de Caminhoneiros profissionais do transporte coletivo, no grupo prioritário para a 2ª fase da Campanha. A Vigilância Epidemiológica esclarece que para vacinação desses profissionais se faz necessária a comprovação com apresentação de um dos seguintes documentos:

– Carteira de trabalho ou;

– Contracheque com documento de identidade, ou;

– Carteira de Habilitação nas categorias C, D ou E, ou

– Crachá funcional com foto, no caso de não ter foto com documento de identificação;

Para pessoas portadoras de doenças crônicas, esse deve apresentar atestado que comprove a doença, que pode ser fornecido por médicos e enfermeiros, que pode ser solicitada e enviada via WhatsApp, caso o paciente não consiga imprimir a autorização, a mesma pode ser mostrada no próprio aparelho, na recepção da escola que for vacinar.

As pessoas que apresentarem sintomas respiratórios leves, moderados ou graves não serão vacinados neste momento.

As pessoas serão orientadas na entrada das escolas quanto a lavagem das mãos, (sendo disponibilizado pela Secretaria de Saúde, o sabonete líquido e papel toalha). Após esse procedimento, pacientes serão convidados a se sentarem em cadeiras posicionadas com distância de 2 metros entre elas, a fim de evitar a proximidade.

Será realizada uma classificação para que os pacientes com mais idade ou com dificuldades sejam atendidos com prioridade.

Idosos com dificuldade de locomoção ou acamados, a vacina será realizada no domicilio, conforme agendamento respeitando os cuidados para evitar a contaminação dos pacientes.